RME Fireface UFX II

Fabricante: RME
Modelo: Fireface UFX II
Preço: 1.955,70€
Sem IVA: 1.590,00€

Fireface UFX II - Interface Audio USB2.0 de 60 canais 24 bits até 192 KHz
Interface Audio USB2.0 60Ch 24-Bit/192kHz com 60 canais de audio. 4 Preamps de microfone controlados digitalmente, conversores de referência na sua classe e funcionamento total a 192 kHz.

Qual a maior diferença para a versão anterior?
- A parte óbvia é o design (aspecto) agora mais actualizado para a imagem corrente da marca e mais recentes interfaces, mas a parte mais importante é que temos um upgrade muito considerável de todo o "conteúdo", tornado-o o mais próximo possível da UFX+ só que sem a porta Thunderbolt.
- Qualitativamente são iguais no que diz respeito a Conversores, pré-amp, latências e FPGA (DSP).
- Porta USB frontal é mais rápida e robusta no registo das multiplas pistas audio em tempo real.
- Perde-se a porta Firewire, a UFX II tem apenas ligação via USB
- Ganha-se em contrapartida uma Porta USB que serve de Host para ligar um ARC USB (controlo remote) que permite controlar muitas das principais funções da UFX sem ter de recorrer a um computador.




Latência ultra-baixa combinada com a estabilidade e manutenção lendários da RME. Incluindo supressão de jitter activa, suporte de referência com nível profissional, funcionalidade avançada em stand-alone, Ferramenta de medição e análise única da RME - DIGICheck e, claro, funcionamento e funções praticamente idênticas em Windows PC ou Mac. 

Características:
No cimo de tudo: TotalMix FX, a mesa de mistura digital topo de gama e router de sinal, conduzido por dois poderosos DSPs, com equalizadores/ Filtro paramétrico integrados, Dinamicos (comp./ Limit) e Reverb/Echo até 192 kHz e ainda controlo integrado de monitorização.

O conjunto total de funções é  suportado por uma extaordinária usabilidade. No seu "coração" está um brilhante e multifuncional display a cores com painel de metering total no painel frontal para todos os 60 canais e bus de efeitos, além de controlo completo de todas as funções chave - directamente a partir da frente da UFX II.
Ainda agora saíu mas já começa a granjear prémios!
Esta é uma solução audio profissional altamente integrada, um estúdio desenvolvido num "pacote" de 19''. Um interface desenhado para utilizadores que não querem fazer compromissos no som, estbiidade e operação de latência ultra-baixa, e que esperavam para um conjunto de funções profissionais sem rival. Mais uma vez um interface que é um marco a RE, incluindo o melhor dos melhores - e até um pouco mais que isso. 

Connectividade:
30 canais de Entrada / 30 canais de Saída 
12 x E/S Analógicas 
4 x préamps de Mic/Instrumento, controlados digitalmente 
1 x E/S AES/EBU  
2 x E/S ADAT (ou 1 x ADAT  + 1 x E/S SPDIF óptico)
1 x E/S Word Clock 
2 x E/S MIDI 
1 x USB 2.0

TotalMix FX
Opcional: Advanced Remote Control USB

Entradas e Saídas
A UFX II providencia 60 canais de audioo: 30 canais de entrada e 30 canais de saída. todas as entradas e saídas pdem ser utilizadas ao mesmo tempo. Até 12 canais analógicos e 18 digitais podem ser gravados em 30 faixas independentes.
E/S disponíveis (canais) com  diferentes taxas de Sample:
Taxa de Sample 
Analógico
AES/EBU
ADAT
Total Entrada/Saída
44.1/48 kHz    12/12    2/2    16/16    30/30
88.2/96 kHz    12/12    2/2    8/8    22/22
176.4/192 kHz    12/12    2/2    2/2    18/18

E/S analógicas
A UFX II está equipada com 12 E/S analógicas:
12 Entradas
8 TRS balanceadas no painel traseiro e 4 entradas XLR com pramps de microfone/instrumento na frente
12 Saídas
No painel traseiro: 6 TRS balanceado e 2 XLR balanceadi - perfeito para fazer uma ligaçao directamente aos monitores de estúdio. No painel frontal: 2 saídas de phone TRS stereo adicionais permite, volumes altos mesmo com auscultadores de alta impedância (canais de playback 9/10 e 11/12).
Qualidade de som
No que toca à qualidade de som e ao comparativo preço / qualidade, a RME joga em casa. A Fireface UCX não é excepção. Como qualquer outro produto RME, este combina um excelente desenho do circuito analógico com chips conversores AD/DA de alta qualidade. Assim, todas as E/S balanceadas em TRS & XLR e ambas as saídas de microfone garantem um nível de ruído e distorção fantasticamente baixos. Na melhor tradição e filosofia de produto da RME, os conversores e preamps não produzem "som", simplesmente não adicionam ou retiram nada da fonte original, captando-o tal como é. 
Equipado com os mais recentes chios conversores A/D e D/A, todas as E/S funcionam até 192 kHz e atingem 118 dBA de agama dinâmica no playback - mesmoa s duas saídas de auscultadores. A sua tecnologia de alta potência permite um voluma alto, não interessando se são utilizados auscultadores de alta ou baixa impedância. As entradas analógias balanceadas são baseadas no desenho dos conversores de baixa latência da RME presentes no conversor topo de gama ADI-8 QS. A secção DA é baseada na série M da RME. Ambos os desenhos permitem excelentes escpecificaçoes S/N e THD através de uma larga gama de níveis analógicos.
Dada a sua redução de jitter eficiente, o SteadyClock superior da RME finaliza a conversão AD/DA state-of-the-art, mesmo quando fazendo o clock para uma fonte digital externa.
Todas as entradas e saídas são ateráveis individualmente para níveis comuns de estúdios profissionais:  -10 dBV, +4 dBu, HiGain (equivalente a +2 dBV, +13 dBu e +19 dBu pra uma escala digital total) - directamente no equipamento ou através do TotalMix. As saídas XLR balanceadas permitem um nível de até +24 dBu.
Todas as saídas podem ser usadas para fins de ASIO Direct Monitoring 
Vista geral das E/S analógicas
Painel traseiro:
Entradas 1-8 (TRS - balanceado)
Saídas 1-2 - Saída Main (XLR - balanceado)
Saidas 3-8 (TRS - balanceado)
Painel frontal:
Entradas: 9-12 (XLR/TRS Combo - balanceado)
Saídas: 9/10, 11/12 - Phones (TRS - Stereo)
PreAmps de Microfone/Instrumento com tecnologia da RME Advanced Parallel Conversion

Preamps 
A UFX II tem quatro preamps e alta transparência suportados por quatro conversores stereo com a nova tecnologia da RME de conversores paralelos. 
Os preamps de microfone e instrumento da UFX II usam a tecnologia presente na Micstasy da RME - um preamp topo de gama com demandas sónicas supremas e aplicações críticas, como a grvação profissional de concertos de música clássica. O desenho dos preamps totalmente simétrico empressiona com a sua distorção extremamente baixa, excelente ratio sinal/ruído e uam frequência de resposta perfeitamente linear. Uma solução premium para transmissão e amplificação de qualquer font audio verdadeiramente não modificada, seja um palco de alto nível ou sinais típicos de estúdio, instrumentos de níve mai baixo e eimpedância alta, ou microfones dinâmicos, de condensador ou de membrana.
O ganho controlado digitalmente de até 65 dB, ajustável em passos de 1 dB numa gama de 55 dB, é configurado individualmente para cada preamp pelos controlos presents no display no painel frontal da placa. Todos os níveis de configuração são 100% reproduzíveis e podem também ser ajustados confortavelmente no software TotalMix no compiutador anfitrião ou através de um controlador MIDI remoto. 

As quatro entradas no painel fronta usam fichas balanceadas XLR/TRS e funcionam, em alternativa, como entradas Hi-Z. Podem ser ligados até 4 guitarras ou outros instrumentos - não é necessário qualquer harware adicional. 
Cada canal pode ser alterado individualmente para phantom power a 48V ou nível de instrumento. LEDs para indicação de sinal, clip, Operação em TRS e phantom power activado dão uma visão geral completa so estado da unidade. 
Conversão paralela avançada
Os 4 preamps  da UFX II estão a a alimentae não apenas quatro mas oito conversores AD. Cada canal de microfone usa uma conversão paralela AD dupla em sdois conversores AD ao mesmo tempo, para chegar a valores de signal-to-noise excepcionais e uma performance não disponível com um desenho clássico de conversores. 
A UFX II segue a tradição da RME de fornecer sitstemas audio dlexíveis e expansíveis. O adicionar de preamplificadores adicionais ou mais entradas anlógica é fácil, através das E/S duplas ADAT óptico no painel traseiro. 

E/S Digital, World Clock & MIDI
AES/EBU
A UFX II vem equipada com uma E/S profissional AES/EBU, funcionando até 192 kHz.
ADAT
Duas E/S ADAT de 8 canais expandem a UFX II em 16 canais disponíveis simultaneamente com os canais analógicos. Podem ser utilizados para ligar dois conversores AD/DA de 8 canais, consolas de msitura, ou para inserir processadores de efeitos. Anas as E/S suportam taxa de sample até 192 kHz (S/MUX4). Usando dois conversores externos como a ADI-8 QS, a UFX II irá ter 28 entradas e saídas analógicas, 20 com uma taxa de sample de 96 kHz, e ainda 16 a 192 kHz.

SPDIF
A segunda E/S ADAT pode ser usada como E/S óptica SPDIF, tornando as ligações da UFXII ainda mais flexíveis. 
Word Clock & MIDI
Uma entrada e saída (BNC) word clock  com terminação alterável junatmento com duas E/S MIDI completam a lista de entradas e saídas e transformam a Fireface UFC um sistea audio profissional com usabilidade universal. 
TotalMix FX
A mesa de mistura baseada em DSP do TotalMix permite routing e mistura totalmente independentes de todas os 30 canais de entrada e playback para todas as 30 saídas físicas. Até 15 submisturas estereo totalmente independentes e conjunto com uma secção intuitiva de Control Room oferecem capacidades de monitorização sem rival, e flexibilidade de routing inultrapassável.
E há mais: o  TotalMix FX permite routing/mistura com controlo por hardware com inúmeras novas funções e utilidade altamente potenciada. 
Cada canal de entrada e saída tem uma função de configuração de luxo, comparável a uma consola digital à escala integral. Os efeitos por canal incluem EQ paramétrico de 3 bandas, Low Cut ajustável, Auto Level, Compressor, Expander, processamento MS  e inversão de fase. A unidade de efeitos Echo e Reverb está disponível para todos os canais via um bus stereo de envio e retorno. A UFX II facilmente ultrapassa a competição ao oferecer todos estes efeitos, mesmo operando a 192 kHz. 
Dois DSPs asseguram uma impressionante performance, mesmo em aplicações muitíssimo exigentes. Como é hábito na RME, o TotalMix está disponível com todos os canais (90) a todas as sample rates, completamente ilimitado.  O segundo DSP dedicado apenas faz o render de efeitos, havendo assim sempre recursos disponíveis. Por exemplo, a 48 kHz 60 EQs e 34 Low Cuts podem ser activados. Quando o Echo e REverb estão activos, ainda estão disponíveis 46 EQs e 32 Low Cuts.
O FX-DSP usa uma vigilância automática de sobrecarga, A partir do momento em que não puderem ser adicionados mais efeitos, a superfície do TotalMix irá claramente assinalar esta situação. Quando mudando para sample rates superiores, a UFX II automaticamente desactiva todos os efeitos que execedem a capacidade do DSP - o DSP nunca ficará sobrecarregado. Esta situação também previne qualquer possível dano nos monitores de estúdio devido a distorção. 
A totalidade da secção de efeitos não só adiciona flexibilidade à cadeia de gravação, mas torna o software que previne a sobrecarga de latência dispensável. 
O TotalMix pode facilmente substituir qualquer mixer externa, por exemplo, para criar misturas diferentes sem latência com EQ e Reverb para os monitores de estúdio principal e para os auscultadores do(s) vocalista(s) na sala de gravação. 
Adicionalmente, o hardware DSP calcula os níveis de Peak e RMS para todos os 90 meters de nível, pelo que a carga do processador no computador principal é zero. 
As funções prinicpais do TotalMix podem ser controladas remotamente via MIDI com qualquer controlafor compatível com protocolo Mackie Control. 

Funções/Diferenças em relação ao TotalMix clássico:
Novo design e utilização melhorada
Secção de Control Room melhorada para a saída principal (monitores de estúdio) e auscultadores. Cue para audição rápida das outras saídas. Painel separado para monitores.
Quatro grupos com mute, solo e fader cada.
Vista seleccionável entre canal mono e stereo
Novas opções de canal: largura da imagem estéreo, processamento MS, fase L/R
Trim Mode: Ajusta o volume de todos os sinais enviados para um canal. Esta opção permite alterar o volume de todas as entradas de um canal em simultâneo, igualando a funcionalidade de trim de hardware. 
Undo e Redo ilimitado
FX Sends e Returns: Um bus de envio para todas as entradas/canais de playback com Reverb/Echo
Vista de canal expansível para configuração dos canais, com personalização dos parametros de EQ e Dynamics. 
Modo de canal Slim para todos os canais ou apenas os que estiverem seleccionados, para poupança de espaço ou fazer uma vista de meter bridge.
Modo de 2 linhas: reduz a altura da mixer para duas linhas para ecrãs mais pequenos. 
Janela de matriz prolongada como modo mono/stereo, Undo/Redo, e informação de phase e mute. 
Controlador de monitorização
A UFX II não é apenas um controlador perfeito a nível desktop mas um switcher de monitorização e delector de fonte com função de retorno integrada para estudios modernos do tipo Mix-In-the-Box. Como a UFX II inclui o controlador de monitorização normalmente externo, isto tamém preserva o som original, dado que a sua saída dehardware fica directament ligada aos monitores de estúdio. 
Controlo de nível 
O grnade encoder rotativo no painel frontal da UFX II mantém em controlo preciso as três saídas stereo dedicadas a monitores: Main Out, Phones 1 e Phones 2. Começa rodando o encoder de colume e o display mostra o nível de ganho actual em números grandes. Os botões encoder mais pequenos permitem acesso directo ao pan e reverb d asaída seleccionada. Carrgando no knob de volume altera entre as saídas. 

Gestão de Monitores
As configurações de ganho acima (volume) trabalham lado a lado com a secção Control Room do TotalMix FX. qualqur saída física pode ser atribuída às três saídas de monitor directamente controladas pelo knob. Isto é, atribui a saída AES/EBI à Main Out, ou como Phones Out - qualquer saída pode ser utilizada. As funções Talkback, Listenback, Mono e Dim vão funcionar automaticamente para as saídas atribuídas do modo que é esperado. Conveniência no seu melhor. 

Remote em Hardware
A UFX II tem uma ligação para o remote (hardware) opcional da RME, com controlos de Volume, DIM, level storage e Recall.
USB & Firewire
Com lançamento da Fireface 800 em 2004, a RME revolucionou o mercado do FireWire audio, criando novos niveis e permitindo uma solução superior com um conjunto de funções único. Não é surpresa que muitos clientes e testers respeitam a RME como A referência e líder na tecnologia pra interfaces audio FireWire. Em 2009, a RME lançou a Fireface UC, uma solução USB que mais uma vez permite uma performance excepcional, nunca antes disponível  partir de interfaces audio USB, tornando-se novamente líder nesta tecnologia. 
O segredo do sucesso: A RME é o único fbricante a não usar tecnologia USB ou FireWire audio de outros fabricantes. Usam sim uma tecnologia própria desenvolvida com Hammerfall Audio Core com uma espantosa performance e funções audio profissionais sem defeitos.
A Fireface UFX II agora combina USB e FireWire, feito pela RME, integrado em apenas um interface.
USB 2.0
A Fireface UFX II foi potencialmente optimizada para a mais alta performance em Windows e Mac OS. Usa um firmware especial personalizado para tiodos os sistemas operativos. Como outrso interfaces USB 2.0*  da RME, a UFX II permite latências revolucionariamente baixas emo com múltiplos canais.  
* A Fireface UFX II é compatível com chipsets USB 3.
FireWire
O core FireWire completamente redesenhado equipa a UFX II com a mesma excepcional compatibilidade e performance das soluções USB da RME. Pela primeira vez, a UFX II não tem qualquer chip FireWire na sua construção - é completamente programada no FPGA, sob controlo directo dos "mastermind" da RME, e actualizado através de um simples update de firmware - se alguma vez for necessário. Esta nova tecnologia é mesmo compatível com infame chip Agere rev. 6 - e isso diz tudo. 
Usability
Display 
Na busca de uma excepcional experiência de utilização para o enorme conjunto de funções disponíveis, a RME integra um display de alta resolução no painel frontal. Em conjunto com três encoders rotativos, todas as funções importantes da UFX II podem ser manualmente controladas directamente na própria placa. O TotalMix, ligado a um PC ou Mac, é sincronizado com os controlos do interface e segue todas as mudanças automaticamente. 
Controlo inteligente
As quatro teclas, os dois encoders 1 e 2, o display de alta resolução e cores brilhantes, bem como uma estrutura de menus bem pensada, permitem ao utilizador  mudar  e configurar rapidamente todas as configurações do equipamento, mesmo sem um computador. Notas de ajuda e marcadores claros no display guiam o utilizador através de todas as funções. 
Funções adicionais 
SteadyClock .
A tecnologia de supressão de jitter única da RME garante uma qualidade de som perfeita, tornando o equipamento totalmente independente da qualidade de sinais de clock externos. Graças à redução de jitter altamente eficiente, os conversores da UFX II funcionam independentemente da qualidade do sinal de clock externo, como se estivessem sempre a funcionar com um clock interno - garantido uma pristina qualidade de som!
O SteadyClock permite à Fireface UFX II controlar a taxa de sample livremente. Os menus de configuração incluem a escolha directa das taxas de sample mais utilizadas no mundo do video e do audio.
ICC 
Intelligent Clock Control não só mostra todos os estados do clock, mas também vai retr a última entrada de sample rate válida, em aso de falha da fonte externa. Outras tecnologias de renome como o SyncCheck oferecem uma rápida detecção de problemas de clock.
DIGICheck
A UFX II vem com a "caixa de ferramentas" em software única da RME paramedir, testr e aalizar streams de audio digital. Permite uma gravação muti-canal, calcula os picos de níveis do metrer e RMS no hardware e é capaz de analisar e mostrar informação de playbac a partir de qualquer software, seja qual for o formato que est software utilize
Algumas funções no DIGICheck não estão ainda disponíveis na versão Mac. 

Fonte de Alimentação 
A fonte de alimentação interna de alta performance e com switch mode especialmente desenvolvida deixa a Fireface UFX II funcionar numa gama de 100C to 240V AC, pelo que pode assim funcionar por todo o mundo. Tem protecção contra curto-circuitos, tem um filtro de linha integrado, é totalmente regulável contra flutuaçoes de voltagem, e suprime as interferências. 

Utilização em Stand Alone Operation com Setup Recall 
Usando os três encoders rotativos e o display colorido, a fireface UFC pode ser configurada e programada completamente na própria placa. Adicionalmente, a memória interna permite  armazenamento permanente de 6 estados diferentes da unidade. Alem disso, a Fireface UFX II é capaz de funcionar totalemnte em stand-alone, sem estar ligada a qualquer computador. No modo stand-alone, pode transformar-se em aparelhos totalmente diferentes com o simples clique de um botão. E ainda!.... Neste modo o totalMix FX pode ser também controlado via MIDI. Exemplos e aplicações incluem: conversor AD/DA de 12 canaisr, preamp de microfone de 4 canais, mixer de monitores, conversor de formato digital, matriz de routing analógico/digital. 

Drivers
- Windows 7 / Vista / XP SP2 (32 & 64 bit)
- Apple Mac OS X 10.5 ou superior (Core Audio)
Drivers  Windows e Mac OS X são completamente idênticos em termos defunções e funcionalidade. 

Especificações técnicas:
AD, Line In 1-8, painel traseiro

Ratio Signal to Noise (SNR): 110 dB RMS unweighted, 113 dBA
Frequência  de resposta @ 44.1 kHz, -0.1 dB: 5 Hz - 21.5 kHz; @ 96 kHz, -0.5 dB: 5 Hz - 45.5 kHz; @ 192 kHz, -1 dB: 5 Hz - 66.5 kHz
THD: < -110 dB, < 0.00032 %
THD+N: < -104 dB, < 0.00063 %
Separação de canal: > 110 dB
Entrada: 6.3 mm TRS jack, balanceada electronicamente
Iensibilidade de entrada alterável para Lo Gain, +4 dBu, -10 dBV
Nível de entrada para 0 dBFS @ Lo Gain: +19 dBu; para 0 dBFS @ +4 dBu: +13 dBu; para 0 dBFS @ -10 dBV: +2 dBV

Entrada de Microfone 9-12, painel frontal  
Como AD, mas:
Entrada: XLR, balanceada electronicamente
Ratio Signal to Noise (SNR): 112 dB RMS unweighted, 115 dBA
Escala ganho: 65 dB
Nível de entrada máximo, Gain 0 dB: +12 dBu

Entrada de Instrumento 9-12, painel frontal  
Como AD, mas:
Entrada: 6.3 mm TS jack, não balaneado
Ratio Signal to Noise  (SNR): 112 dB RMS unweighted, 115 dBA
Escala ganho: 55 dB
DA, Saída Line, 3-8, painel traseiro

Esacala dinâmica (DR): 115 dB RMS unweighted, 118 dBA
Frequência  de resposta @ 44.1 kHz, -0.5 dB: 5 Hz - 22 kHz
Frequência  de resposta @ 96 kHz, -0.5 dB: 5 Hz - 34 kHz
Frequência  de resposta @ 192 kHz, -1 dB: 5 Hz - 50 kHz
THD: -104 dB, < 0.00063 %
THD+N: -100 dB, < 0.001 %
Separação de canal: > 110 dB
Saída: 6.3 mm TRS jack, servo-balanceada
Impedância de saída: 75 Ohm
Nível de saída alterável Hi Gain, +4 dBu, -10 dBV
Nível de saída a 0 dBFS @ Hi Gain: +19 dBuB
Nível de saída a 0 dBFS @ +4 dBu: +13 dBu
Nível de saída a 0 dBFS @ -10 dBV: +2 dBV
DA - Saída de Monitores XLR Stereo (1-2)
Como DA, mas: 
Saída: XLR, balanceada
Nível de saída alterável 24 dBu, Hi Gain, +4 dBu, -10 dBV
Nível de saída a 0 dBFS @ 24 dBu: +24 dBu
DA - Saída de Monitores Phones Stereo (9-2)
Como DA, mas:
Saída: 6.3 mm TRS stereo jack, não balanceada
Nível máximo de saída a 0 dBFS, High: +13 dBu
Nível máximo de saída a 0 dBFS, Low: +2 dBV
impedância de saída: 30 Ohm
AES/EBU
XLR, balanceado por transformador, galvanicamente isolado, de acordo com AES3-1992 
ADAT Óptics
4 x TOSLINK, formato de acorodo com as especificações da Alesis 
Standard: 2 x 8 canais 24 bit, até 48 kHz
Double Speed (S/MUX): 2 x 4 canais 24 bit 96 kHz
Quad Speed (S/MUX4): 2 x 2 canais 24 bit 192 kHz
World Clock
BNC, switch para terminação interna 75 Ohm
Add-ons Opcionais
Remote Monitor Control (o mesmo da ADI-8 QS)
Ver mais informações no site da RME 

Escrever opinião


Nome:


Opinião: Nota: HTML não está traduzido!

Classificação: Mau           Bom

Escreve o código na caixa abaixo:




Top